12 de abr de 2013

Cinenarrativas no Seminário Internacional Redes Educativas e as Tecnologias




Cinenarrativas prepara-se para se fazer presente no VII Seminário Internacional AS REDES EDUCATIVAS E AS TECNOLOGIAS: TRANSFORMAÇÕES E SUBVERSÕES NA ATUALIDADE, que acontecerá de 3 a 6 de junho deste ano, na Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ. 


As discussões do seminário serão muito próximas às do grupo, pois pretende “discutir a atualidade, as transformações e subversões nos conhecimentos, visões de mundo, tecnologias e redes educativas que a caracterizam.” Como nosso grupo propõe-se ao aprofundamento do debate sobre cinema e audiovisual na atualidade, em ambiente de educação formal ou não, cada membro do grupo preparou um texto para inscrição, especialmente nos eixos “Estudos da infância e da juventude: transformações e subversões na atualidade” e “Redes educativas, cotidianos e práticas culturais: transformações e subversões na atualidade”. Serão seis trabalhos inscritos. A divulgação dos aprovados será feita até 10 de maio. 

Boa sorte a todos!
Lucineia Batista

P.S. As inscrições de trabalhos ainda estão abertas e vão até o dia 22 de abril. Para mais informações: http://www.seminarioredes.com.br/

10 de abr de 2013

Cinenarrativas: quais os planos para 2013?




Em 2013, nosso grupo recebeu duas novas integrantes do mestrado da UNIRIO: Renata Gazé, com projeto voltado à produção de vídeo com crianças, e Margareth Olegário, que pretende desenvolver um projeto de recepção de cinema com crianças deficientes visuais. Além delas, o grupo também recebeu Thiago Esteves (único varão no grupo!) do curso de Pedagogia da UNIRIO. Bem-vindos!

Neste início do ano, o grupo definiu alguns conceitos-chave a serem privilegiados nos estudos que serão realizados ao longo de 2013 e que contribuirão com o adensamento conceitual das pesquisas em curso. Como a matriz conceitual do CINENARRATIVAS é pautada nos Estudos Culturais Latino-americanos, optamos por aprofundar os conceitos relacionados às culturas contemporâneas: cultura e consumo, cultura híbrida, cultura da convergência, cultura de participação, produção e recepção audiovisual, narrativas. Vamos debater a condição contemporânea das infâncias e juventudes dentro e fora dos ambientes escolares. Sendo assim, já começamos a nos dedicar a estudar as obras de Néstor Garcia Canclini e Jesús Martín Barbero, referências nessas temáticas. 

Outra linha de estudos será a das metodologias de pesquisa voltadas ao audiovisual. Parte do grupo já está inscrita em matéria eletiva dedicada ao tema oferecida pela Profs. Dras. Adriana Hoffmann Fernandes (UNIRIO) e Rosália Duarte (PUC-Rio): Referenciais teórico-metodológicos da pesquisa em mídia-educação.
 
Lucineia Batista